"E traziam-lhe crianças para que lhes tocasse, mas os discípulos repreendiam aos que lhas traziam. Jesus, porém, vendo isso, indignou-se e disse-lhes: Deixai vir os pequeninos a mim e não os impeçais, porque dos tais é o Reino de Deus. Em verdade vos digo que qualquer que não receber o Reino de Deus como uma criança de maneira nenhuma entrará nele. E, tomando-as nos seus braços e impondo-lhes as mãos, as abençoou." (Marcos 10:13-16)

Estamos na semana do Dia das Crianças. Uma data mais uma vez comercial, cuja ideia é dar brinquedos e receber sorrisos felizes. Mas vamos mais além disso. Vamos olhar para os pequeninos como Jesus olhou.

Certo dia, Jesus estava no território da Judeia, região desértica, e a multidão O seguia, e, no meio dela, as crianças. Em dado momento, as crianças vinham na direção de Jesus para que Ele as tocasse. Os discípulos acharam aquilo algo terrível, e tentavam impedi-las de chegar a Jesus. Imagina que eles deviam dizer uns aos outros: "Segurem esses meninos aí para não importunar o Mestre. Não façam barulho durante a pregação. Não tirem a atenção do povo". Mas Jesus olhou para eles, e o texto diz que Ele "indignou-se" com a atitude dos Apóstolos. Ele se enfureceu com aquela atitude dos Apóstolos e disse para deixarem as crianças chegarem até Ele, e as abençoou e as despediu.

Fico imaginando a lembrança que aquelas crianças guardaram dAquele Homem. Ele abriu o caminho para que elas chegassem e as tocou, as abençoou e depois as mandou de volta a seus pais.

Nesse tempo de tanta busca por presentes, festas nas Igrejas e nas escolas, que tal darmos aos nossos pequeninos a oportunidade de conhecerem Jesus? Que tal sermos aqueles que preparam o caminho para o Senhor na vida delas? Que tal, ao invés de um presente no Dia das Crianças, dar, todos os dias, o amor como presente embrulhado em abraços, beijos, afagos, sorrisos, um EU TE AMO olhando nos olhos? Que tal dar a elas instrução, a disciplina quando é necessária, estabelecer limites, ensinar o que é certo e errado, instruí,-las nos princípios do Senhor, dizer NÃO, quando é preciso, lutar pelos seus direitos e ensinar a elas que têm deveres?

Vamos dar às nossas crianças, às que estão em nossa casa, às que encontramos no meio do caminho, às que estão na Igreja, o direito de serem crianças e de conhecerem a vida abundante que há em Jesus. E assim, todos os dias elas viverão o DIA DAS CRIANÇAS...

#CriançaÉCoisaSéria

Aps. Luiz e Regina Vasconcelos
Líderes da Rede de Crianças do MIR

Visualizações: 105

Plano de Leitura Bíblica

19 Out
II Crônicas 10 e 11
Ezequiel 45
João 12

20 Out
II Crônicas 12 e 13
Ezequiel 46
João 13 e 14
21 Out
II Crônicas 14 e 15
Ezequiel 47
João 15 e 16
22 Out
II Crônicas 16 e 17
Ezequiel 48
João 17 e 18
23 Out
II Crônicas 18 e 19
Daniel 1
João 19
24 Out
II Crônicas 20
Daniel 2
João 20 e 21
25 Out
II Crônicas 21 e 22
Daniel 3
Atos 1