Foram cinco dias muito marcantes. Ensino com profundidade, louvor com intensidade e uma atmosfera de alegria. Era como uma reunião de uma família de muitos filhos na Casa do Pai.

Saímos ainda mais adestrados para prepararmos juntos o Caminho do Senhor, o caminho da multiplicação, entendendo que só quando estamos verdadeiramente consolidados, conseguimos consolidar o rebanho.

Excelência no Louvor

O coral sempre estava em sintonia, nas cores das roupas e na harmonia das vozes. Tudo entrava em equilíbrio com os sons dos instrumentos. Um momento preparado com excelência para honrar o Todo-Poderoso.

Os discípulos sentiam a unção derramada e manifestavam adoração a Deus com palavras, brados de júbilo e mãos levantadas. A cada noite, um momento de intercessão acontecia, convocando o povo de Deus para fazer batalha espiritual em favor das famílias, da nação brasileira e de Israel.

O ensino sobre prosperidade encorajou a Igreja a ser fiel nos dízimos e ofertas, pois a obediência é um caminho seguro que deve ser trilhado por quem deseja receber provisão e abundância financeira. Também houve confronto em amor. A Apóstola Lene lembrou que “dízimos, ofertas e primícias são medidores da nossa fidelidade e confiança em Deus, pois muitos cristãos deixam de cumprir esses princípios quando o coração não arde mais de paixão e interesse pelo Reino. Sabemos de onde o Senhor nos tirou. Que Ele nos devolva o sentimento de gratidão, pois a força para adquirir riquezas, as ideias criativas e, o mais importante, a salvação, tudo nos foi dado por Ele”.

A Visão e seus Frutos - Testemunhos

Um dos diferenciais do Congresso foram os testemunhos trazidos pelos líderes para motivar a Igreja.

Ailton Felix falou da importância de entender quem nós somos e onde estamos posicionados. Como empresário, ensinou que Deus tem um negócio para operar por meio de nós e isso se trata de fazer expandir o Reino de Deus, através do Ganhar, Discipular, Consolidar e Enviar.

O Pastor Márcio Alves contou a sua trajetória na Visão M12, lembrando que conheceu o Apóstolo Renê Terra Nova pela TV, 22 anos atrás, e desde então se envolveu, se dedicou e se transformou em um líder muito frutífero, cheio de carisma e unção. “A Visão restaura, muda históricos de vida e nos leva a patamares onde nunca sonhamos estar, assim foi comigo”.

Uma história de 30 anos de ministério foi contada com verdade, emoção e humildade pelo Apóstolo Gilmar Britto, que falou de discipulado, aprendizado e muitas conquistas. “O que me conecta ao Apóstolo Renê Terra Nova é a unção”.

O Apóstolo Luiz Vasconcelos revelou parte da sua história desde que foi ungido Pastor, mesmo sem ainda estar convencido da sua chamada, até o nascimento e fortalecimento do Ministério de Crianças, um dos trabalhos mais especiais realizados no MIR, por ele e sua esposa. Ele também apresentou a sua família e agradeceu a Deus pela oportunidade de gerar uma descendência no Altar.

Libertos da preocupação, livres para fazer a Visão acontecer

Durante todo o Congresso, o Apóstolo Renê Terra Nova se dedicou a um único tema e fez questão de aprofundá-lo. Ele tratou sobre a preocupação excessiva que torna os líderes ansiosos e oprimidos e, como resultado, acaba trazendo esterilidade para os seus ministérios.

Cheio de unção de autoridade e emoção, o mentor ensinou como alcançar a libertação genuína, através de ministrações que ativaram a fé e ensinaram os discípulos a serem confiantes.

Filipenses 4:6 foi citado para lembrar que devemos trocar as nossas preocupações pela paz de Cristo, que excede a todo entendimento. “A ansiedade nos tira do centro do propósito e rouba o milagre que estava vindo na nossa direção. Deus tem um plano, que você não sabe ainda, e que é um plano de paz e de sucesso”.

O Apóstolo também ensinou que temos que resistir ao diabo e ao seu início; ser fortes diante das complicações nas gerações; ser responsáveis, sem perder a paciência; não agir com incredulidade e que as preocupações não podem ser maiores que as promessas de Deus. E os discípulos lançaram sobre o Senhor toda ansiedade.

Provérbios 15:15 foi outro versículo citado para estimular a confiança da Igreja e ensiná-la a viver em liberdade: “Todos os dias do oprimido são maus, mas o coração alegre é um banquete continuo.”. Alguns pontos apresentados pelo Apóstolo merecem ser destacados:

- A preocupação dá voz ao inimigo e imprime o silêncio de Deus;

- Quanto mais preocupados, menos respostas, quanto mais focados no propósito, mais resultados;

- Se vivermos preocupados, damos oportunidade para as trevas nos vencerem;

- A preocupação atormenta os incrédulos, mas não vence os confiantes;

- Quem se preocupa atormenta a si mesmo.

Devemos ocupar nossa mente com uma promessa, com uma experiência de fé, uma instrução de ânimo e declarações proféticas. As células devem ser um lugar de vida, e a Visão um modelo no qual as pessoas se inspirem e não se matem. “Pare de ficar preocupado, isso é uma ordem do Messias! Você tem um Pai olhando tudo e Ele suprirá todas as suas necessidades. Sem estresse, preocupação e opressão você vai prosperar muito”. Cheio de intrepidez, ele também bradou: “Hoje é um terrível dia para o diabo. Ele vai soltar todas as rédeas que prendiam a sua vida e das pessoas que você ama. Você sairá da covardia e será possuído do espírito de Deus e não só será curado, como será usado para curar outras pessoas”.

Elizeu Alves

Ele impactou a Igreja quando completou a ministração do Apóstolo Renê, cantando: “Como eu amo o Seu nome, tens o nome mais lindo que eu conheço, Jesus...”. A cada canção, esse levita que se tornou amigo especial do MIR, levou a multidão a adorar e a se achegar ainda mais ao Trono de Deus.

Foram três apresentações que o fizeram ganhar o carinho do MIR pelo talento, unção e simplicidade. Elizeu foi abençoado pelo Apóstolo para ter a força, a voz e a energia restauradas e ser bênção, ministrando no Brasil e nas nações.

Fruto Fiel

Amarelo, branco, azul, rosa, verde... Cada cor representava uma liderança. Os gritos, balões e bandeiras demonstravam a alegria e gratidão a Deus pelas vidas alcançadas. Assim, em um clima de muita felicidade, o Fruto Fiel fechou cada noite de Congresso.

A apresentação de encerramento aconteceu de maneira especial, pois o colorido das roupas, se misturou às bandeiras e balões e também a muitos sorrisos e abraços fraternos. Unida, a Igreja cantou: “Hoje eu sei quem sou. Eu sou quem Deus diz que sou, nEle eu estou. Eu ando em milagres...” Foi um momento glorioso que despertou nos corações um sentimento profundo de gratidão por tudo que Deus fez nesses cinco dias de Congresso de Consolidação e por tudo o que Ele ainda fará em nós e através de nós. Louvado seja o nome do Senhor!

Visualizações: 205

Plano de Leitura Bíblica

21 Set
I Crônicas 4
Ezequiel 17
Lucas 13 e 14

22 Set
I Crônicas 5
Ezequiel 18
Lucas 15
23 Set
I Crônicas 6
Ezequiel 19
Lucas 16
24 Set
I Crônicas 7
Ezequiel 20
Lucas 17
25 Set
I Crônicas 8
Ezequiel 21
Lucas 18
26 Set
I Crônicas 9
Ezequiel 22
Lucas 19
27 Set
I Crônicas 10
Ezequiel 23
Lucas 20