“Ora, ia com ele uma grande multidão; e, voltando-se, disse-lhe: Se alguém vier a mim, e não aborrecer a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e irmãs, e ainda também a sua própria vida, não pode ser meu discípulo. E qualquer que não levar a sua cruz, e não vier após mim, não pode ser meu discípulo.” (Lucas 14:25-27)

Priorizar o Reino

Quem segue os passos de Jesus tem que viver como Ele viveu:

· Aborrecer

· Renunciar

· Deixar

A ordem divina de aborrecer é para ser obedecida, assim como todas as outras contidas na Palavra de Deus. Aborrecer é não receber a influência dos pensamentos negativos, e saber dizer não a antidoutrina que o Reino apregoa; somos dEle.

No século onde todos querem ser validados e precisam de likes para serem “consolidados”, encontramos homens e mulheres adultos, mas mimados e imaturos emocionais; uma verdadeira geração de órfãos. São órfãos dos óbitos reais e órfãos de pais inadimplentes; o espírito de orfandade está adoecendo o social e suicidando emocionalmente esta geração, fazendo-a andar como verdadeiros zumbis dentro dos seus casulos.

Você que nasceu de novo tem que aborrecer, rejeitar e renunciar algumas ideias que são contrárias à Palavra. Se você mudou a sua natureza, tem que mudar a sua cultura, assim como está escrito: “Jesus respondeu, e disse-lhe: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus. Disse-lhe Nicodemos: Como pode um homem nascer, sendo velho? Pode, porventura, tornar a entrar no ventre de sua mãe, e nascer? Jesus respondeu: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito, não pode entrar no reino de Deus. O que é nascido da carne é carne, e o que é nascido do Espírito é espírito.” (João 3:3-6)

Em alguns momentos, você precisará aborrecer algumas opiniões familiares, se elas não são bem-vindas no Reino. Não se trata de ser inimigo de ninguém, mas de não aceitar ideias que fujam da Palavra. A Palavra continua viva.

Aborrecer a própria vida

Aborrecer a própria vida significa ir, aos poucos, mas constantemente, abandonar hábitos que comprometem, que prejudicam o Reino e o Rei. A cultura do mundo, da carne e de Satanás não deve dominar nosso caráter nem mais fazer parte da nossa vida. Essas são culturas que, às vezes, insistimos em manter, mas que não são aplaudidas por Deus nem por homens que sejam sérios e tementes a Ele. Inclusive, essa busca por aplausos e por validações fúteis vem daqueles que não compartilham das coisas do Alto.

Ninguém pode ser discípulo do Reino conservando suas culturas antigas. Aquele que não ABORRECER, RENUNCIAR e DEIXAR, de acordo com a Palavra de Deus, não pode ser discípulo de Jesus, como Ele mesmo ensinou.

A visão de Yeshua é:

· Ou você é discípulo, ou não é;
· Ou você leva a cruz ou fica no meio do caminho.

Jesus não quer ser seguido pelos milagres que fez e que faz ainda em nossos dias, mas quer ser seguido por homens que carregam a sua própria cruz e, por isso, vivem o milagre. “Eu sou o Senhor; este é o meu nome; a minha glória, pois, a outro não darei, nem o meu louvor às imagens de escultura.” (Isaías 42:8)

Então, para você viver, verdadeiramente, o Aborrecer, ensinado por Jesus, terá que criar aversão, abominar tudo aquilo que é contrário à Palavra e aos ensinamentos do Mestre.

Em se tratando de fazer discípulos, sabemos que não é fácil. Chega uma hora que cansa estar com alguns ao nosso lado, porque eles são repetitivos em seus erros, não vivem o caráter de Cristo e somatizam nas emoções e comportamentos que não querem mudança de vida em seus caminhos.

Contudo, a ordem de Cristo é ABORRECER, e isso fala de desaculturar aqueles que estão querendo viver uma vida dúbia da proposta do Reino. Não podemos permitir que cães se tornem lambedores das nossas feridas como se fôssemos eternamente carentes emocionais.

A visão de um líder é sempre renunciar às culturas que ferem os padrões do Reino, mesmo sabendo que essa não é uma tarefa fácil, mas é missão para todo aquele que nasceu de novo “Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. E tudo isto provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por Jesus Cristo, e nos deu o ministério da reconciliação; isto é, Deus estava em Cristo reconciliando consigo o mundo, não lhes imputando os seus pecados; e pôs em nós a palavra da reconciliação. De sorte que somos embaixadores da parte de Cristo, como se Deus por nós rogasse. Rogamo-vos, pois, da parte de Cristo, que vos reconcilieis com Deus. Àquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus.” (II Coríntios 5:17-21). Que você seja esse líder inegociável na visão que Deus tem colocado no seu coração e sempre aliançado com os ensinamentos do Rei para fazer crescer o Reino.

Visualizações: 1586

Plano de Leitura Bíblica

11 Nov
Esdras 7
Oseias 8
Atos 27
12 Nov
Esdras 8
Oseias 9
Atos 28
13 Nov
Esdras 9
Oseias 10
Colossenses 1
14 Nov
Esdras 10
Oseias 11
Neemias 1
15 Nov
Neemias 2
Oseias 12
Colossenses 3 e 4
16 Nov
Neemias 3
Oseias 13
I Tessalonicenses 1 e 2
17 Nov
Neemias 4
Oseias 14
I Tessalonicenses 3 e 4