Sacerdotes e Sacerdotisas foram muito edificados pelo Senhor nos últimos dias. O Congresso de Homens e Mulheres foi um tempo de consolidação e de preparação para as conquistas sem limites que o Senhor prometeu e que já está manifestando sobre aqueles que aceitaram a missão de ser conquistadores de territórios.

As reuniões ocorreram no Templo do MIR e na Igreja Gerando Vidas, mas também teve encontros em que homens e mulheres estiveram juntos para ouvir a Palavra e a instrução de Deus. Um sinal de que há uma missão individual e também um propósito para que juntos avancem mais rápido e conquistem de maneira extraordinária.

Homens Capazes para a Conquista de Novos Territórios

Deus surpreendeu os homens neste Congresso e liberou, de maneira extravagante, libertação, cura, ensino, restituição e poder. E todos ficaram convictos de que este é um tempo de conquista de novos territórios, começando sempre dentro de casa, para depois gerar resultados na Igreja e na sociedade. O Apóstolo Renê Terra Nova fez questão de orientar os homens para o cuidado com a família, nossa célula principal: “Você pode ter uma missão poderosa como for, mas quando chega a sua família, tudo para. Quando sua família chega, sua missão é sua família. Nós, que somos sacerdotes, precisamos aprender a nos curvar diante da missão maior que Deus nos deu”.

Foi um tempo de definição. O Apóstolo também declarou que os Homens Capazes fazem parte do Exército de Deus, são valorosos e conseguem resolver problemas: “Não se preocupe com os problemas, eles vêm você se preocupando ou não. Não se estresse por causa de problemas. Não vale a pena! Seja um homem capaz em Deus para resolver os problemas e ver a boa mão do Senhor sobre a sua vida”.

Usando o texto de Êxodo 18:21, ele falou sobre o critério divino e o segredo para encontrar, em meio a uma geração no deserto, com mentalidade de escravos, oprimidos, amedrontados, homens assim, maduros e capazes para resolver problemas.

“Que essa seja a sua história também. Que você seja esse homem com raiz profunda, de estrutura, fisicamente forte, emocionalmente ajustado, espiritualmente maduro, um homem diferente nesta geração”, afirmou o líder que realiza, este ano, o 8º Congresso de Homens em Manaus.

De um jeito único, Apóstolo Renê Terra Nova falou com autoridade e graciosidade ensinando aos homens que eles têm que se fortalecer no Senhor para não se contaminar com esta geração.

O Pastor e empresário Altomir Rangel falou aos congressistas em várias ocasiões. Ele veio do Rio de Janeiro especialmente para esta edição do Congresso de Homens, Mulheres e Casais.

Em uma de suas ministrações falou sobre o papel do homem, segundo o ensinamento bíblico e alertou para o fato de que existem diferenças nas atribuições de homens e mulheres. “Deus mandou Adão proteger o jardim. O homem foi criado para viver nesse ambiente, nessa atmosfera, ele foi criado e colocado no Éden, então é natural para ele viver no Éden. Deus o mandou proteger, ser um guardião da presença dEle na Terra. O protetor do qual a Bíblia fala é o homem que entendeu que o pai deve proteger na sua casa, ser um guardião da presença de Deus no lar. Temos uma responsabilidade, Deus deu isso para os homens. Existem chamados e responsabilidades distintas entre homem e mulher. O mundo pode mudar, o feminismo, as modas, mas a Bíblia não muda”.

Chegou o tempo das Mulheres

As cores rosa e vermelha enfeitaram o Altar. Um toque bem feminino nas roupas dos integrantes do coral, da banda e das dançarinas, anunciando que o tempo das mulheres estava começando. O clima, durante todo o evento, foi de alegria, com muitos sorrisos, manifestações de gratidão, e uma sensação de liberdade que só conhece quem sabe que está na Casa do Pai.

E, na presença de Deus, elas ouviram a Sua voz e receberam direção dAquele que as fez e que tem domínio sobre todas as coisas.

A Apóstola Marita, a grande anfitriã do Congresso, derramou bênçãos e amor sobre a plateia. A Pastora Larissa, orou e intercedeu pelas congressistas e a Pastora Liz Ângela Cruz, de Goiânia, declarou que o MIR é um celeiro de avivamento, e contou o quanto já foi abençoada na Igreja, declarando, assim, uma palavra de prosperidade de Deus sobre as mulheres.

Pastor Altomir Rangel

De volta a Manaus, o Pastor e empresário Altomir Rangel falou às mulheres sobre transformação. Disse que, para que as mudanças ocorram, às vezes é preciso se revoltar e se inconformar com a situação atual. “Não reclame para Deus sobre algo que você está tolerando!”.

Citando Êxodo 3:20,21, ensinou que Deus quer usar os nossos inimigos para nos abençoar e por isso devemos orar por eles. Também revelou o que chamou de segredo de oração: “Quando estiver diante do Senhor, peça para achar graça aos olhos dos seus inimigos”.

O Pastor falou sobre a situação atual do Brasil e disse que um povo verdadeiramente liberto precisa estar livre também nas finanças, pois Deus está interessado em que tenhamos um estilo de vida sem dívidas. “Você não é rica por quanto você ganha, mas pelo que você gasta e pelo que você economiza”, orientou.

Outro ensinamento trazido foi o de que cada mulher é responsável por ser a intercessora da casa, da família, dos filhos, pela prosperidade e pela saúde daqueles que ama.

Em uma de suas participações, Altomir pediu que a Apóstola Marita e suas filhas Larissa, Agnes e Raquel orassem e reivindicassem do inimigo toda bênção e prosperidade que Deus já liberou sobre as mulheres.

Obedecer, Engrandecer, Agradecer - Princípios para A Conquista de Novos Territórios

Uma mulher de honra precisa ser ajustada em todos os pilares da sua vida, inclusive na área emocional. Pensando nessa necessidade, o MIR convidou duas Master Coaches, a primeira delas foi Margarida Lima, uma mulher relevante em Manaus e Porto Velho, realizando um trabalho de crescimento e desenvolvimento de pessoas, através dos núcleos Febracis – a maior empresa de Coaching hoje no Brasil – que ela lidera, como diretora.

Com autoridade, ela falou sobre A Conquista de Novos Territórios através de três passos: Obedecer, Engrandecer e Agradecer. Disse que esses são passos, princípios de Honra para a Mulher que quer servir a Deus com inteligência e sabedoria, galgando riquezas que vão além de dinheiro.

“Se vocês estão aqui é porque buscam mudanças, buscam conquistar novos territórios. E vocês vão conseguir. Conquistem com honra, com gratidão, com obediência, engrandecimento e agradecimento. E que Deus as abençoe de forma poderosa”.

A Master Coach Guta Oliveira falou sobre restauração de relacionamentos que enfrentam problemas causados por vícios emocionais como reclamação, fofoca, raiva, medo e inveja, e fez um importante alerta: “Assim como os vícios em drogas, álcool, internet, eles são vícios silenciosos que têm aprisionado a alma de muitas pessoas, inclusive dentro das Igrejas”.

Esses comportamentos e pensamentos que, mesmo inconscientes, sempre surgem, são viciantes e têm o mesmo poder de destruição que uma droga.

Isso explica porque muitos crentes que oram, jejuam e têm uma vida de relacionamento com Deus estão com o casamento falido e têm resultados ruins na área financeira, por exemplo, já que os sentimentos os aprisionam.

Hoje, a neurociência explica que um sentimento tóxico vivido repetidas vezes começa a transformar as moléculas do corpo até atingir as células, instalando o vício, por isso muitas vezes procuramos nos relacionar com pessoas que alimentem esse vício. “Inconscientemente não queremos ter raiva, medo, inveja, angústia, vergonha.... Mas não é a nível consciente, é inconsciente. O mesmo prazer que uma droga causa, o sentimento tóxico também causa. O corpo fica dependente daquele sentimento e você vai fazer de tudo para senti-lo”, explicou Guta.

A palestrante também chamou atenção para o que a Bíblia nos alerta em Êxodo, 20:5: “Eu Sou Deus zeloso que visito a iniquidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam”. Vícios emocionais podem atingir a nossa descendência!

A dica é naturalizar os sentimentos negativos e não deixar que eles nos consumam. “O nosso corpo é templo do Espírito Santo, não é caminhão de lixo. Não se deixe ser dominado por causa de arrogância, vaidade, medo. Assuma o que sentiu e livre-se de todo sentimento tóxico.

Para reverter essa situação também é necessário agir com autorresponsabilidade e parar de culpar o outro. Quanto mais você mudar, os seus resultados mudam. Esta é a chave para a transformação: Deixar de reclamar, de buscar culpados, se calar quando sentir raiva e amar. Pague o preço, veja o futuro, aja com fé, viva por fé, traga à existência e uma hora aquilo que você deseja começa a acontecer. “Não seja vítima das suas emoções e viva o extraordinário!”

Corações abertos para receber mais de Deus

Homens e mulheres se reuniram, na manhã de Quinta-feira, no Templo do MIR. A programação do 2º dia de Congresso planejou esse momento. Deus queria falar para todos, juntamente.

A Pastora Francieme Costa foi a anfitriã da manhã, incentivou e orou pelos congressistas.

Mulheres comprometidas com as suas gerações

Ainda na segunda manhã de Congresso, no MIR, a Apóstola Ester Amazonas trouxe uma reflexão sobre a história de uma rainha, neta de Jezabel, que, quando soube que o seu filho, que era rei, morreu, mandou matar toda a família real. Mas uma outra mulher, chamada Joseba, pegou um dos filhos que ia ser assassinado e o guardou no Templo do Senhor.

Ela fez um paralelo com a situação atual do Brasil, com os valores morais tão deturpados e lembrou que as coisas espirituais sempre se formam primeiro para depois se manifestarem no físico. Por isso, homens e mulheres, famílias de Cristo, que passaram pelo novo nascimento, estão em uma grande reforma, são colunas e precisam se manifestar e influenciar o seu território. “Os lugares onde vivemos só serão transformados se nós os influenciarmos pelos princípios divinos”.

Isso nos traz um entendimento de quem devemos ser nesta geração e como podemos influenciar, começando dentro de casa, principalmente na criação dos filhos, investindo na formação cristã deles para restauramos a nossa geração. “Geramos a mentalidade sacerdotal dos nossos filhos na família e no Templo. Temos que trazer instruções e inculcar os princípios de Deus neles desde pequenos, e não deixar perpetuar o governo de Baal”, alertou.

A Apóstola Regina Vasconcelos, líder da Rede de Família, trouxe uma palavra de conscientização sobre a prosperidade familiar que envolve mais do que dinheiro, mas o bem-estar da família, inclusive o emocional. Foi um momento lindo.

Você pode “andar sobre as águas”

O Pastor Altomir Rangel disse que a nossa vida não deve ser vivida como uma carreira, mas como uma missão. Assim, mesmo que nós ou as outras pessoas errem, seguiremos em frente, por algo maior.

Ele falou do seu testemunho como pregador do Evangelho, há mais de 20 anos, e contou milagres que viveu em várias áreas.

Com base em Mateus 14, que narra a tempestade enfrentada pelos discípulos de Jesus dentro de um barco, ensinou o que devemos fazer para “andar sobre as águas: ”Descer de onde estamos, com cuidado para não tropeçar. O barco é o nosso ambiente familiar local onde, muitas vezes, as pessoas vão tentar nos desviar do caminho e nos frear; Não dar valor à palavra de pessoas que não são relevantes de verdade; Isolar-se em algumas situações, Deus vai querer agir na nossa vida individualmente e devemos obedecê-lo e segui-lo, mesmo que tenhamos a sensação de que estamos sozinhos na caminhada.

Mulheres que são exemplos de fé, unção e vida de Deus

A Pastora Larissa Terra Nova declarou essa verdade, mas ensinou que isso só se torna real quando nos posicionamos da maneira correta. “Como tem sido o seu comportamento diante do que você quer?”, perguntou.

A Bíblia declara: “Pedi e dar-se-vos-á”. Por isso, quando estamos conectas com Deus naquilo que Ele quer, Ele nos entrega. Porém, uma mulher vitoriosa precisa ter as seguintes características:

• Ser sensível – Conectar-se com o Trono, estar em constante intimidade com o Pai.

• Ser determinada – Saber claramente o que quer e onde quer chegar.

• Ser paciente – Procurar saber em que direção Deus quer levá-la.

• Ser perseverante – Não desistir no meio do caminho.

• Não se corromper – Não se deixar levar por ilusões.

A Pastora Larissa também declarou que a mulher de honra sabe que merece conquistar novos territórios, na família, no ministério, na saúde... “O mundo espiritual faz leitura do nosso posicionamento. Devemos buscar, não em homens, na internet, mas em Deus. A resposta não é humana, é sobrenatural”.

Levante-se e lute, satanás não vai mais baixar a sua cabeça. Somos mulheres de honra, vitoriosas!

Mulheres honradas e prósperas

A Pastora Francieme Costa falou sobre a Parábola do Semeador, tão conhecida no meio da Igreja. Mas provou que a Palavra de Deus nunca volta vazia e sempre nos ensina algo novo. Ela contou o próprio testemunho de um caso em que viu o milagre do Senhor em uma questão financeira e encorajou as mulheres a serem fiéis nós dízimos, nas ofertas e primícias. No final, declarou uma verdade maravilhosa e inquestionável: “Ninguém supera Deus na graça de dar!”

A 2ª noite do Congresso de Mulheres também teve a participação da Apóstola Joice Alexandre. Ela apresentou a Apa. Marita e falou de alguns predicados que todos veem e admiram nessa líder de honra que é a nossa mentora. A unção dos céus foi derramada e houve um tempo muito intenso e agradável na presença do Eterno quando juntas elas cantaram: “Meu Deus é Deus de milagres, Deus de promessas, caminho no deserto, luz na escuridão...”

A Apóstola Ana Marita chamou suas 12 de Manaus, do Amazonas e Brasil ao Altar e as honrou com palavras de agradecimento pelo trabalho no Reino, declarando bênçãos para a conquista de novos territórios. Declarou que este Congresso será um marco espiritual para as servas do Senhor. Houve um grande mover e Deus derramou cura, colheu lágrimas, renovou a fé, supriu almas necessitadas e capacitou as mulheres para um novo tempo de refrigério e prosperidade.

A conquista de novos territórios

A Apóstola Marita ensinou que Deus não limita os territórios que as mulheres podem conquistar, por isso elas são livres para avançar sem limites. Também disse que são colunas do lar com a missão de serem auxiliadoras do esposo e espalhar amor.

Lembrou que hoje as mulheres enfrentam muitos desafios, mas, com Deus, são capazes de enfrentar as dificuldades. Também disse que é possível honrar a Deus nos locais de trabalho e que cada lugar pode ser um território a ser conquistado. Também aconselhou as mulheres a buscarem conhecimento e declarou: “Se estivermos firmes em Deus vamos avançar. Vamos fazer um saque no inferno e colocar as nossas casas debaixo dos céus de Jerusalém”. A Apóstola também disse que somos representantes da figura da Igreja na Terra e Jesus quer nos encontrar sem ruga e sem mácula. “Em nossa geração somos a grande resposta de Cristo. Se conscientize disso! Aguarde e veja o que Deus vai fazer através de você, Ele vai levantar você com força, honra e sabedoria”.

Visualizações: 210

Plano de Leitura Bíblica

10 Dez
Jó 12
Naum 1 e 2
Tiago 5
11 Dez
Jó 13
Naum 3
I Pedro 1
12 Dez
Jó 14
Habacuque 1
I Pedro 2
13 Dez
Jó 15
Habacuque 2
I Pedro 3 a 5
14 Dez
Jó 16 e 17
Habacuque 3
II Pedro 1 e 2
15 Dez
Jó 18 e 19
Sofonias 1
II Pedro 3
16 Dez
Jó 20
Sofonias 2
I João 1 e 2