Quem na vida já não experimentou um fracasso nas suas expectativas? Quem não teve uma oração frustrada? Quem não perdeu uma batalha? Quem não foi alvejado em uma guerra?

Mas, você morreu? Não! Você somou experiências novas para viver o novo. Todos somos assim, a FÉ VIVA é exatamente isso, mesmo em meio a tantas crises não nos renderemos e avançaremos rumo ao alvo proposto. “Não que já a tenha alcançado o “alvo”, ou que já seja perfeito; mas prossigo para alcançar aquilo para o que fui também preso por Cristo Jesus. Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado; mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim, prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.” (Filipenses 3:12-14)

Na semana passado falamos sobre dois aspectos da FÉ: 1. A FÉ VIVA vence seus adversários e 2. A Fé Viva não teme as más notícias. Hoje falaremos sobre o ponto 3. A FÉ VIVA nos faz aprovados na guerra.


3. A FÉ VIVA nos faz aprovados na guerra

“Bem-aventurado o homem que suporta a provação; porque, quando for aprovado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor tem prometido aos que o amam.” (Tiago 1:12)

Todos nós passamos por provas e a maneira de você saber se está no caminho certo e se vai manter sua FÉ VIVA é avaliar o nível de guerra que está enfrentando no dia a dia. Isso atesta se você está na rota correta ou se saiu do propósito. A prova é um atestado de que Deus está nos convidando para algo maior do que se pode imaginar. Uma recompensa sem igual é o direito aprovado. Quando eu exponho minha FÉ, o mundo espiritual da maldade recua e sou respeitado na geografia onde vivo. Você não encontrará um líder de FÉ VIVA sendo tratado como igual em nenhum território. Por isso, a prova que você está passando apenas aponta para o lugar inédito que o Senhor está construindo.

Somos uma geração carente de homens e mulheres aprovados na FÉ. Na prova, quando se acirra a guerra, muitos líderes desistem, até mesmo homens santos, íntegros, crentes, diante de tantas investidas do adversário, podem sucumbir. Mas outros tantos mantêm a FÉ na integridade, assim como você! Observe, mesmo alguns líderes provados em meio ao caminho, alguns já pensam em desistir. A FÉ VIVA faz a diferença entre os que estão na ativa espiritual e os que aposentaram suas convicções.

Bem, aqueles que abandonam o uso da Palavra e não conseguem lidar no mundo espiritual com legitimidade, além de se sentirem fracassados, estão fadados a contaminarem muitos domésticos da FÉ, inclusive a nova geração que está chegando. Quando eu deixo de confessar a FÉ dou brecha para o inimigo, daí vem as frustrações somadas no meu território. Os discípulos que não desistem, além de serem modelo, inspiram tanto os de perto como aqueles que estão longe.

Discípulos que exercitam sua FÉ são considerados exemplo no tempo da prova.

Nossa convocação é sustentar uma geração exemplo para que possamos manter nosso testemunho e, no tempo da prova, receber a recompensa que nos fora proposta, a coroa da vida. Vamos ser modelo?

Nessa guerra, que você seja encontrado aprovado. “Ninguém despreze a tua mocidade; mas sê o exemplo dos fiéis, na palavra, no trato, no amor, no espírito, na fé, na pureza. Persiste em ler, exortar e ensinar, até que eu vá. Não desprezes o dom que há em ti, o qual te foi dado por profecia, com a imposição das mãos do presbitério. Medita estas coisas; ocupa-te nelas, para que o teu aproveitamento seja manifesto a todos. Tem cuidado de ti mesmo e da doutrina. Persevera nestas coisas; porque, fazendo isto, te salvarás, tanto a ti mesmo como aos que te ouvem.” (I Timóteo 4:12-16)

Visualizações: 1430

Plano de Leitura Bíblica

20 Set
I Crônicas 3
Ezequiel 16
Lucas 12

21 Set
I Crônicas 4
Ezequiel 17
Lucas 13 e 14
22 Set
I Crônicas 5
Ezequiel 18
Lucas 15
23 Set
I Crônicas 6
Ezequiel 19
Lucas 16
24 Set
I Crônicas 7
Ezequiel 20
Lucas 17
25 Set
I Crônicas 8
Ezequiel 21
Lucas 18
26 Set
I Crônicas 9
Ezequiel 22
Lucas 19