29 de Março de 2021 é uma data que entrou para a história da Igreja no Brasil. O motivo foi a realização de um Jejum Coletivo que foi feito por milhares de cristãos de diferentes denominações, espalhados por todas as regiões do país. O grande ponto diferencial desse mover foi o fato dele ter sido convocado pela maior autoridade constituída no país, o Presidente Jair Messias Bolsonaro.

O M12, representado pelo Apóstolo Renê Terra Nova, foi um dos grandes incentivadores desse propósito, conclamando todos os seus discípulos para se envolverem nesse Ato Profético que abriu os céus e estabeleceu um novo tempo de restauração sobre o Brasil.

Durante 24 horas, a Igreja dobrou os joelhos, entrou em intercessão, profetizou dias de saúde, paz e prosperidade, entronizando Jesus Cristo como Senhor e Salvador da nação brasileira.

O presidente Bolsonaro recebeu os Apóstolos Renê Terra Nova, Estevam Hernandes e César Augusto para um momento de intercessão. Juntos, eles gravaram um vídeo, declarando: “Hoje, dia 29, nós entramos em um Ato Profético tremendo, orando e jejuando pela nação brasileira. Um dia histórico em que nós vimos a mão de Deus neste local, e o nosso Presidente clamando diante de Deus para que a Nação realmente seja sarada. Estamos aqui representando todas as Igrejas Evangélicas e o povo cristão, católico, que crê no Senhor Jesus. Cremos que foi um divisor de águas! O Brasil não será o mesmo depois desse jejum que todos nós fizemos”. As falas foram finalizadas pelo Presidente, dizendo: “Jejum pelo Brasil, corações que mudam o destino de uma Nação”.

Líderes evangélicos importantes fizeram declarações sobre o Jejum, nas Redes Sociais. “Deus busca quem se coloque na brecha para afastar o juízo. Mais do que nunca, nossa pátria carece desses intercessores, sob risco de terrível juízo, nossos pecados nacionais afrontam o Criador, ainda assim Deus busca um caminho de escape através de quem se coloque na brecha”, disse a Apóstola Valnice Milhomens.

O Apóstolo Renê Terra Nova profetizou que Deus está movendo o Brasil, agradeceu a todos que entraram nessa missão do Reino e incentivou a Igreja citando II Crônicas 7:13-16: “Se eu fechar os céus, e não houver chuva; ou se ordenar aos gafanhotos que consumam a terra; ou se enviar a peste entre o meu povo; e se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra. Agora estarão abertos os meus olhos e atentos os meus ouvidos à oração deste lugar. Porque agora escolhi e santifiquei esta casa, para que o meu nome esteja nela perpetuamente; e nela estarão fixos os meus olhos e o meu coração todos os dias.”

Visualizações: 43

Plano de Leitura Bíblica

12 Abr
Números 31
Provérbios 22
João 4

13 Abr
Números 32
Provérbios 23
João 5
14 Abr
Números 33
Provérbios 24
João 6
15 Abr
Números 34
Provérbios 25
João 7
16 Abr
Números 35
Provérbios 26
João 8
17 Abr
Números 36
Provérbios 27
João 9 e 10
18 Abr
Deuteronômio 1
Provérbios 28
João 11