“Rodearam-no, pois, os judeus, e disseram-lhe: Até quando terás a nossa alma suspensa? Se tu és o Cristo, dize-no-lo abertamente. Respondeu-lhes Jesus: Já vo-lo tenho dito, e não o credes. As obras que eu faço, em nome de meu Pai, essas testificam de mim. Mas vós não credes porque não sois das minhas ovelhas, como já vo-lo tenho dito. As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu conheço-as, e elas me seguem; E dou-lhes a vida eterna, e nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará da minha mão. Meu Pai, que mas deu, é maior do que todos; e ninguém pode arrebatá-las da mão de meu Pai. Eu e o Pai somos um. Os judeus pegaram então outra vez em pedras para o apedrejar. Respondeu-lhes Jesus: Tenho-vos mostrado muitas obras boas procedentes de meu Pai; por qual destas obras me apedrejais?” (João 10:24-32)

MILAGRE é tudo que sai do controle do homem e que somente Deus pode resolver. MILAGRE é o que vem dos Céus, que é respondido a nosso favor, como uma ação divina. Não existem MILAGRES que não sejam perfeitos, por isso que os MILAGRES precisam ser celebrados.

Nós, que sabemos que o homem perde o controle da sua história, e que só o Eterno controla tudo em perfeição, quantas vezes já ouvimos: Eu estou no controle de tudo! E, quando chega o dia mau, as pessoas não dão conta de absolutamente nada, aí tem que clamar ao Senhor que controla tudo.

O verdadeiro MILAGRE é a consciência de que nós, por mais eruditos que sejamos, dependemos de um Ser Supremo que GOVERNA sobre tudo e todos. Ele é a força e aos que esperam nEle, Ele dá a força. “Tua é, Senhor, a magnificência, e o poder, e a honra, e a vitória, e a majestade; porque teu é tudo quanto há nos céus e na terra; teu é, Senhor, o reino, e tu te exaltaste por cabeça sobre todos. E riquezas e glória vêm de diante de ti, e tu dominas sobre tudo, e na tua mão há força e poder; e na tua mão está o engrandecer e o dar força a tudo. Agora, pois, ó Deus nosso, graças te damos, e louvamos o nome da tua glória. Porque quem sou eu, e quem é o meu povo, para que pudéssemos oferecer voluntariamente coisas semelhantes? Porque tudo vem de ti, e do que é teu to damos.” (I Crônicas 29:11-14)

Existem coisas que estão dentro da nossa competência, que são uma proeza humana. Existem coisas que estão fora da nossa competência, que são uma ação divina. Então, vemos a forma do governo divino agir. Muitos de nós, ficamos tão obcecados em nossas próprias ações, que a maioria delas é um favor divino, mas assim mesmo nos iludimos achando que a força é nossa e o poder está em nós, mas até o simples fato de prosperar não é com a força do braço. “Que te guiou por aquele grande e terrível deserto de serpentes ardentes, e de escorpiões, e de terra seca, em que não havia água; e tirou água para ti da rocha pederneira; que no deserto te sustentou com maná, que teus pais não conheceram; para te humilhar, e para te provar, para no fim te fazer bem; e digas no teu coração: A minha força, e a fortaleza da minha mão, me adquiriu este poder. Antes te lembrarás do Senhor teu Deus, que ele é o que te dá força para adquirires riqueza; para confirmar a sua aliança, que jurou a teus pais, como se vê neste dia.” (Deuteronômio 8:15-18)

MILAGRE é ação divina, é quando você perde a noção do que fazer e vem um socorro do Céu, acontece algo diferenciado, e a solução chega, seja através Palavra Viva, ou por um profeta, ou um sopro no seu coração, que o próprio Deus traz. As pessoas, hoje, vivem debaixo de algumas doutrinas e conceitos absurdos. Humanistas vivendo teologia sem Bíblia. Há até as que dizem que não existem mais MILAGRES. Mas nós somos da doutrina dos que creem, e creem, e creem, e continuam crendo que MILAGRES acontecem nos nossos dias e que todos eles já estão prontos no mundo espiritual, porque nada em Deus é improvisado, tudo está pronto desde a fundação do mundo.

Se mantivermos essa confissão com certeza seremos proprietários de MILAGRES sobrenaturais. Tudo o que temos procede dos Céus. “Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nos lugares celestiais em Cristo; Como também nos elegeu nele antes da fundação do mundo, para que fôssemos santos e irrepreensíveis diante dele em amor; e nos predestinou para filhos de adoção por Jesus Cristo, para si mesmo, segundo o beneplácito de sua vontade, para louvor da glória de sua graça, pela qual nos fez agradáveis a si no Amado.” (Efésios 1:3-6)

Visualizações: 969

Plano de Leitura Bíblica

12 Abr
Números 31
Provérbios 22
João 4

13 Abr
Números 32
Provérbios 23
João 5
14 Abr
Números 33
Provérbios 24
João 6
15 Abr
Números 34
Provérbios 25
João 7
16 Abr
Números 35
Provérbios 26
João 8
17 Abr
Números 36
Provérbios 27
João 9 e 10
18 Abr
Deuteronômio 1
Provérbios 28
João 11