“Como Deus o ungiu com o Espírito Santo e com poder; o qual andou por toda parte, fazendo o bem e curando a todos os oprimidos do Diabo, porque Deus era com ele.” (Atos 10:38)

A confissão da nossa esperança deve estar ativada em todo o tempo. Olhamos para todos os lados e só Jesus tem o poder de nos tirar de qualquer catástrofe. Muitas coisas já aconteceram e sabemos que não somos mais os mesmos em muitos aspectos.

Muitas vezes, ficamos assustados e nos perguntamos: “O que aconteceu comigo?”. Uma coisa é certa: Deus continuará fazendo milagres e completando a boa obra que começou em nossas vidas. Podemos até não saber como, mas que Ele fará, sabemos que sim. Então, vamos seguir confessando a nossa esperança, porque a fidelidade de Deus jamais nos deixará envergonhados, mesmo quando estivermos passando por desertos na nossa liderança.

Em tudo, Deus sempre será Bom e Fiel. Só precisamos crer para manter a chama profética acesa e sempre declarar: “Até aqui nos ajudou o Senhor!”. Ele nos ungiu e nos capacitou para a Sua boa obra: “Como Deus ungiu a Jesus de Nazaré com o Espírito Santo e com poder; o qual andou fazendo bem, e curando a todos os oprimidos do diabo, porque Deus era com ele.” (Atos 10:38)


A unção que quebra jugos

Todo líder sabe que a unção quebra jugos. Mas, o que é a unção? É o poder sobrenatural de Deus sobre você, que é autorizado, como líder, para desfazer as obras do diabo.

A unção que está sobre você dá capacidade, direciona e mostra que, mesmo sem perspectiva humana, o Deus a quem você serve é poderoso para realizar coisas novas. É na unção do Espírito, e não na força do braço, que você chegou até aqui e tem sido restaurado para fazer com que aqueles que estão sob a sua liderança desfrutem das promessas do Senhor. Como está escrito: “E acontecerá, naquele dia, que a sua carga será tirada do teu ombro, e o seu jugo do teu pescoço; e o jugo será despedaçado por causa da unção.” (Isaías 10:27)


2. Andar por toda parte do território

Como líder, sua missão é instalar células, bases celulares, setoriais, regionais, Igrejas, cercar os territórios, alfabetizar os fiéis com o Governo do Justo, sempre mostrando quem é Jesus e como Ele se comportou diante dos poderosos, sem medo.

Precisamos avançar estrategicamente, porque há uma geração nos olhando, perguntando o que vamos fazer, e não podemos ficar sem resposta; na verdade, era para já estarmos dizendo o que fazer.

É verdade que o vírus paralisou a mente de alguns, mas é inegável que o momento acelerou o raciocínio de outros. Não se recuperam dois anos, se o favor dos Céus não nos assistir. Vamos usar a ferramenta da Visão: Almas, Células, Família. Vamos ampliar os territórios. Jesus andou por todos os lugares, foi além-fronteira, não perdeu tempo, e deixou a missão do Ide por todo o mundo.

E você pode estar se perguntando: “Para que mesmo eu fui ungido?”. Para andar, para pregar, para implantar o Evangelho do Reino de Deus. O que é o Evangelho do Reino? Não é abrir Igreja, o Evangelho do Reino é tomar poder. “Eis que vos dou poder para pisar serpentes e escorpiões, e toda a força do inimigo, e nada vos fará dano algum.” (Lucas 10:19)


Continua...

Visualizações: 823

Plano de Leitura Bíblica

20 Set
I Crônicas 3
Ezequiel 16
Lucas 12

21 Set
I Crônicas 4
Ezequiel 17
Lucas 13 e 14
22 Set
I Crônicas 5
Ezequiel 18
Lucas 15
23 Set
I Crônicas 6
Ezequiel 19
Lucas 16
24 Set
I Crônicas 7
Ezequiel 20
Lucas 17
25 Set
I Crônicas 8
Ezequiel 21
Lucas 18
26 Set
I Crônicas 9
Ezequiel 22
Lucas 19