“E criou Deus o homem à sua imagem; à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou. E Deus os abençoou, e Deus lhes disse: frutificai e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar e sobre as aves dos céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra.” (Gênesis 1:27 e 28)

Desde o Éden, homem e mulher foram criados por Deus com um propósito. E, desde então, Deus tem realizado muitas maravilhas na vida do homem, da mulher, do casal e da família. Mas, alguns dos Seus filhos estão tão ocupados e outros tão enfermos emocionalmente que não estão conseguindo enxergar. E quando enxergam, não têm um coração agradecido na direção do Pai.

O que fazer? Como Igreja, precisamos acreditar mais no que podemos realizar em Deus e valorizar todo investimento que o Pai tem feito em nossas vidas. Afinal, tudo que Deus fez e faz é perfeito, e Ele criou o homem para um propósito debaixo dessa perfeição, como está escrito em Gênesis 1:27 e 28.

Talvez, uma das maiores e a mais desnecessárias dúvidas na vida do ser humano seja descobrir o propósito da sua existência e viver por esse propósito. Algumas pessoas se perguntam: Para que fomos criados por Deus? Qual nosso propósito? Qual o nosso chamado?

Talvez você já tenha se feito as mesmas perguntas também, ou ido além e perguntado: Qual o verdadeiro propósito de passar pela vida, de viver aqui na Terra? Muitas perguntas que podem gerar até crises existenciais são provenientes da nossa falta de buscar conhecer a Palavra de Deus que tem respostas para tudo.

Uma vez que Deus criou o homem, Ele o formou com um só objetivo: para o louvor da Sua glória. Todos nós fomos criados e escolhidos por Deus para servi-lO com intensidade, cumprindo o nosso propósito e desenvolvendo todo o potencial que Ele nos concedeu.

Deuteronômio 6:5 diz que devemos amá-lO com todo o nosso coração, com toda a nossa alma, com toda a nossa força. “Amarás, pois, o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças.” Tudo isso representa a intensidade e o quanto devemos estar envolvidos com Deus. A verdade é que somente sendo completamente envolvidos com Ele e nEle poderemos ser o que Ele tem para nós e cumprir, verdadeiramente, nosso propósito.

Por sermos criação de Deus, precisamos aprender a nos valorizar. Devemos pensar que somos pessoas importantes e que o próprio Pai foi quem nos criou. Ele nos valoriza tanto que nos chama de sacerdócio real, nação santa, povo escolhido de Deus. “Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz.” (I Pedro 2:9)

Entender o propósito da nossa existência é fundamental para que possamos raciocinar como Deus quer e, assim, pensar e agir em concordância com Sua Palavra.

Cuidar do nosso próximo

Algo imprescindível nas pessoas que sabem o seu propósito é cuidar bem do próximo. Isso porque quando entendemos a necessidade do cuidado com o outro, além de nos valorizarmos com o devido valor que a Bíblia nos dá, sabemos como cuidar do outro.

A Bíblia nos instrui que devemos cuidar do nosso próximo da mesma forma como gostaríamos de ser tratados. “E como vós quereis que os homens vos façam, da mesma maneira lhes fazei vós, também.” (Lucas 6:31)

Provérbios 23:7 diz que assim como o homem imagina na sua alma, assim Ele é. Se conseguimos imaginar sobre nós o que a Bíblia diz que somos, aprendemos a valorizar também o outro, independente de sermos ou não do mesmo Reino.

Não podemos fazer acepção de pessoas. Deus não faz. “Porque, para com Deus, não há acepção de pessoas.” (Romanos 2:11). Não podemos querer ser valorizados e tratar mal o outro. Quando procedemos assim não estamos cuidando do nosso próximo nem transmitindo o amor de Deus.

É chegado um novo tempo, tempo que nos dá a oportunidade de mudança, de seleção, de agirmos com sabedoria e inteligência para alcançarmos as vidas e sabermos como cuidar de cada uma delas, pois cada pessoa é um universo diferente, e diante de Deus, vamos cumprir o nosso propósito.

Visualizações: 991

Plano de Leitura Bíblica

14 Set
II Reis 20
Ezequiel 10
Lucas 6

15 Set
II Reis 21
Ezequiel 11
Lucas 7
16 Set
II Reis 22 e 23
Ezequiel 12
Lucas 8
17 Set
II Reis 24 e 25
Ezequiel 13
Lucas 9
18 Set
I Crônicas 1
Ezequiel 14
Lucas 10
19 Set
I Crônicas 2
Ezequiel 15
Lucas 11
20 Set
I Crônicas 3
Ezequiel 16
Lucas 12