Acredito que nesta quarta semana estudando sobre a FÉ, você aprendeu qual a importância desse assunto para nós. Afinal, estudar sobre FÉ é ser fortalecido e aprender que quando a Bíblia fala de FÉ, fala de condições para que eu e você, em Deus, possamos vencer as dificuldades comuns da vida e as que não são comuns. É a FÉ que nos ajuda a manter o estilo de vida de quem nasceu de novo e assim não somos seduzidos pelas paixões deste mundo.

A FÉ cresce dentro de nós e nos encaminha e encoraja para recebermos de Deus a vitória, porque já fomos justificados, não pelas obras da lei, mas pela FÉ em Jesus Cristo.

A FÉ como manifestação de exercício

Deus tem mostrado que o sucesso ou o insucesso depende do exercício da FÉ. Lembre-se: O homem crescerá em FÉ no nível em que trabalhar esse princípio. A FÉ é um exercício! Às vezes, por causa de tantas adversidades, não cuidamos cautelosamente desse dom que nos levará, com certeza, a conquistas inimagináveis.

A ordem divina é para nos lançarmos em FÉ para que, através desse exercício, possamos colher experiências inimagináveis. Quanto mais você treina, mais cresce. “Pois o exercício corporal para pouco aproveita, mas a piedade para tudo é proveitosa, visto que tem a promessa da vida presente e da que há de vir.” (I Timóteo 4:8)

Como eu processo esse exército de FÉ e como posso alimentar minhas crenças motivacionais em Deus? Observe que quanto mais você vai à Igreja ou lê a Bíblia, mais fica alimentado e robusto na FÉ, tendo muitas vitórias que, às vezes, até não estava preparado para obtê-las. Mas não podemos nos opor ao princípio, negando a chamada que Deus nos fez, que é exercitarmos nossa FÉ.

Quando acontece o contrário, o ‘normal’ é você começar a ficar fragilizado, alimentar algumas sementes de incredulidade que o inimigo quer plantar na mente. Aí, é como se estivéssemos desnutridos, como se alguma coisa fosse apagando, diluindo e morrendo dentro de nós, até mesmo morrendo na nossa chamada de FÉ. Nos tornamos vulneráveis e fragilizados por toda situação no território da alma; isso é decorrente da falta do exercício e da busca constante da FÉ do Reino. Quando exercitamos a FÉ, criamos MUNDOS favoráveis, onde o Senhor se torna Rei sobre nossas vidas. “Pela fé entendemos que os mundos pela palavra de Deus foram criados; de maneira que aquilo que se vê não foi feito do que é aparente.” (Hebreus 11:3)

O exercício da FÉ é necessário, mas existem pessoas que pararam no meio do caminho, não renovaram suas experiências e não responsabilizaram a confiança que o Senhor depositou em suas vidas para, na direção dEle, terem uma FÉ mais trabalhada. Você sabe que o exército da FÉ é como se saíssemos para uma maratona, precisamos exercer esse esforço. No Reino de Deus, a saída é importante, mas o fundamental é a chegada. Você tem que sair para conseguir chegar, porque muitos saíram e não chegaram; isso depõe contra a FÉ e não estimula as pessoas que nos veem como modelo. Precisamos correr e chegar nos nossos objetivos, para não comprometermos o resultado que, até nós mesmos, esperamos de nós. “Muitos correm, mas só um leva o troféu.” (I Coríntios 9:24). Lembre-se de que você tem forças suficientes em Deus para sair e ser vitorioso. Quantas vezes encontramos pessoas que dizem: “Eu já fui crente!”. E eu sempre penso: Que história é essa? São pessoas equivocadas, porque quem experimentou Jesus jamais O abandona. Seja qual for a dificuldade, se experimentou Jesus, é uma nova pessoa, tem a vida de Cristo no coração e jamais O deixará. Esses dias, um seguidor escreveu no meu Twitter: “Fui liberto da “heresia” e de mentiras que pregam sobre a Bíblia. Eu era “Pastor”, agora sou livre". Ele postou uma foto com um copo de bebida e fumando. “Mas o Espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios; pela hipocrisia de homens que falam mentiras, tendo cauterizada a sua própria consciência.” (I Timóteo 4:1,2)

Se não tomarmos cuidado no exercido da FÉ, podemos nos estressar e encontrar desculpas para não correr e até deixar o plano divino para trás. Jesus é seu e você é dEle eternamente. Não existe uma condição de entrar no Reino e depois dizer: “Não sou mais do Reino”. O Senhor diz: “Você é meu e Eu Sou seu. Estamos em aliança e ninguém jamais lhe arrebatará das minhas mãos.” (João 10:28).

Nossa chamada é para andarmos no caráter da FÉ, cumprindo os princípios estabelecidos por Deus. O cumprimento dos princípios promove vida saudável, alegre e de regozijo no Reino. Então, exercite a fé!

Visualizações: 1022

Plano de Leitura Bíblica

14 Set
II Reis 20
Ezequiel 10
Lucas 6

15 Set
II Reis 21
Ezequiel 11
Lucas 7
16 Set
II Reis 22 e 23
Ezequiel 12
Lucas 8
17 Set
II Reis 24 e 25
Ezequiel 13
Lucas 9
18 Set
I Crônicas 1
Ezequiel 14
Lucas 10
19 Set
I Crônicas 2
Ezequiel 15
Lucas 11
20 Set
I Crônicas 3
Ezequiel 16
Lucas 12