A presença é mais importante que tudo. A unção estava na cabeça de Saul, e a Presença no coração de Davi. Você foi chamado para ser modelo, Deus levantou a Igreja para ser modelo. Não queira nada do mundo.

A ministração do Apóstolo Monteiro foi a Presença, a importância da Presença. “Está tudo muito pronto, não se paga mais o preço, uma geração que está pegando o caminho pronto. Esse é o perigo”, declarou. A geração que não reconhece autoridade. Creia nos seus profetas e prosperareis, está escrito.

O Apóstolo narrou a história de Saul quando ofereceu o sacrifício no lugar de Samuel, a desobediência removeu Saul do Trono espiritual, não do político. Quando se fere princípios, a Presença vai saindo aos poucos. O dom é irrevogável, Deus não tira, o que sai é a presença.

É a presença que fortalece, capacita e dá vida. Deus deseja uma geração que não confia nos dons e na própria capacidade, mas uma geração que coloca à disposição de Deus seus dons, talentos e habilidades para que Ele os use na Terra para transformar e reformar.

Até quando vamos inventar desculpas para Deus? De tudo o que tiver que dar para Deus, nunca dê uma desculpa. Deus levanta as pessoas de qualquer coisa, menos de uma desculpa. Davi não dava desculpas, a geração de Davi é a geração do quebrantamento, do arrependimento.

Há um fogo neste lugar, não vamos deixa a chama apagar. Deus conta com você nessa transição. Estamos diante da geração que vai fazer história, A geração adestrada. A geração que ama a presença. A geração Intense Fire.

Visualizações: 956