MINISTRAÇÕES
Consolidação é um exercício de fidelidade
Apóstolo Renê Terra Nova
Foto: Maiko Mendonça   
Só consolida quem é fiel a Deus. Somos líderes debaixo de uma Visão extremamente definida e definitiva. Consolidar é a fidelidade em operação. Só sai de casa para fazer uma visita quem é fiel a Deus, ao líder, às vidas. Se isso for por relatório humano, você não faz. A Bíblia diz que Fiel é o que nos chama e Ele nos fará fiel.

Fidelidade é uma chamada

Não somos fiéis porque queremos e decidimos. Deus nos chamou para sermos fiéis. É o caráter do Messias derramado em nosso caráter que nos faz fiel ao líder, as células, aos 12, as pessoas as quais ganhamos.

A fidelidade é uma chamada, e por ser uma chamada, receberemos uma fidelidade que não será fruto do nosso exercício, mas virá de Deus. Entraremos em um manto de fidelidade como nunca houve em nossas vidas. Deus nos conhece, por isso, derramará desse sobrenatural em nós.

Todos que têm fé são sócios da fidelidade. A fé e a fidelidade são conjuntas. Os que são fiéis colhem êxito. A fidelidade é um requisito da parte de Deus que é derramada em nosso caráter.

Fiel é uma chamada para ser servo

Quem é chamado é chamado para servir, é servo e o servo é chamado para servir. Ninguém serve só com regalias. Servir significa se esforçar para pagar preço. É dar a vida por. Por isso que Filipenses 2, diz que Jesus é Servo. Ele deu Sua vida por amor de nós, servindo-nos.

Fidelidade é servir com alegria. Não há como servir a Deus debaixo de tristeza. Aquele que chama, também dá a essência da alegria, da fidelidade. Fiel é o que nos chama, Ele nos fará fiéis.

A chamada é uma chama. Somos chamados por Deus. A todos que Ele chama, respalda. Todos que são chamados por Deus, por Ele são respaldados. O respaldo da chamada é o fruto. Deus fará multiplicar o fruto do nosso penoso trabalho.

A chamada sinaliza morte e ressurreição. A chamada queima e sinaliza que devemos morrer, que devemos negar o eu, abrir mão dos projetos particulares. Porque no dia em que Deus começou a falar para Jesus que Ele viria para a Terra, ficaria por 33 anos aqui, depois morreria para ressuscitar no terceiro dia, Ele estava dizendo que toda morte na chamada tem direito a uma ressurreição.

Se você está morto na sua chamada. Saiba que esse não é o projeto de Deus para a sua vida. Se você morreu para Deus tem direito a ressuscitar. Não olhe só para a morte, olhe para a chamada e para Aquele que lhe chamou. Deus quer usar a sua vida. Não fique morto, ressuscite. Porque as nações serão salvas a partir de você. Mas se você não fizer a sua parte, a obra não irá parar, Deus levantará outro em seu lugar.

A chamada nos leva à paixão. Quando estamos apaixonados, pagamos qualquer preço para estar ao lado da pessoa, esforçamo-nos para estar perto. Inclusive o problema da maioria dos casamentos é não manter acesa a chama, o fogo do início, a paixão. Então, quando amamos a Deus, a chamada é apaixonante.

Só os legitimamente apaixonados suportam o treinamento. Os que não são apaixonados, criticam, murmuram e abandonam a chamada. O apaixonado se auto-consolidam.

A chamada convence. Pela chamada fui convencido a vir para Manaus. Nessa chamada Deus nos uniu para tomarmos Manaus, o Brasil, as nações, porque o poder da chamada tem-nos conquistado e coloca em nós um impulso que nos consolida. Quem nos chamou é Fiel e nos fará fiéis na chamada.

A Bíblia diz que Isaías quando ouviu a voz de Deus, teve medo porque seus lábios estavam impuros. Deus tirou do Altar uma brasa viva que tocou os lábios do profeta e purificou os seus lábios. Hoje Deus vai limpar a sua boca e quando você falar será como brasas vivas.

Verdadeiramente a consolidação é uma chamada para fidelidade. Seja fiel como Aquele que lhe chamou.

 

 
VISITANTES: 670465
PRINCIPAL
MATÉRIAS
ENTREVISTAS
MINISTRAÇÕES
MENSAGENS
GALERIAS DE FOTOS
 

Copyright © 2010 Ministério Internacional da Restauração. Expediente