“... Para que saibas como convém andar na casa de Deus, que é a igreja do Deus vivo, a coluna e firmeza da verdade.” (I Timóteo 3:15)

A Igreja é a família de Deus. Somos uma família de muitos filhos do mesmo Pai. O legado de ser Igreja deve nos fazer viver uma vida espiritual que exige expressar o caráter de Jesus, uma vida de fé, na essência do que Ele ensinou.

Onde viver o legado que Jesus deixou:

Em casa. O homem e a mulher de Deus, que são ungidos do Senhor, precisam viver de forma santa e irrepreensível em casa para ter a aprovação familiar. É muito importante que o seu testemunho seja aprovado para que a sua família o reconheça como alguém que, verdadeiramente, nasceu de novo. Isso é muito importante. O legado espiritual deve ser usado como ferramenta na família.

No trabalho. Como anda o seu testemunho no trabalho? O seu relacionamento com os colegas é tão bom quanto com o seu chefe? Cuidado para não caminhar tratando bem aqueles que podem levar você para um nível profissional melhor. Isso não é vida de Deus, mas é uma vida pautada nos seus próprios interesses. Lembre-se: Você deve ser crente em qualquer lugar.

Na sociedade. Uma pessoa que nasceu de novo deve ser educada. A sociedade espera de nós que sejamos educados. Por pior que você esteja, tem a obrigação de tratar bem as pessoas, elas nos medem em todos os lugares.

Sua vida deve ser modelo para aqueles que ainda não conhecem Jesus. Há pessoas que se dizem cristãs, mas deixam muito a desejar e acabam envergonhando o Evangelho quando deveriam ser canais para abrir caminhos aos futuros seguidores de Jesus.

Dê bom testemunho! Há pessoas que precisam ver o amor de Deus em você. O seu legado como Igreja é distribuir a graça sobre as pessoas. Graça é alegria! Seja uma pessoa relacionável. A Igreja precisa voltar a ter comunhão, gerar relacionamento entre os irmãos, trazendo-os para perto. É assim que caminhamos unidos e permanecemos firmes sem nos desviar do propósito.

Seja um discípulo tratável

O legado de Jesus foi formar discípulos nesta Terra. Então, seja um discípulo de Jesus, com o coração centrado nEle. Seja a resposta que o mudo espera. Permita-se ser tratado no caráter, deixe o líder entrar na sua individualidade para tratá-lo nas áreas que você precisa. Respeite a unção do seu discipulador e respeite a obra que Deus quer fazer na sua vida.

Não são todos que deixam seu caráter ser moldado. Por isso, você precisa decidir ser diferente. Não faça a rota errada de não querer ser tratado no caráter. Isso traz um desajuste terrível para o Reino de Deus.

Caráter é trilho para Deus correr. Se o caráter não está ajustado, a pessoa é ferida, ou cai, ou não consegue andar. Não podemos brincar de tratar caráter. Caráter é coisa séria.

Muitos não conseguem crescer na vida espiritual e até multiplicar, porque estão com a moral prejudicada, não se abrem para buscar a cura. O remédio para a cura é a confissão. Cada vez que você confessa uma culpa, coloca óleo novo sobre a sua cabeça. “Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos.” (Tiago 5:16)

Não seja um discípulo apenas de conveniência e comodidade, como alguns. Não seja Igreja apenas quando estiver no templo, mas em todos os lugares, buscando andar em santidade.

Quem se deixa ser tratado alcança a cura. Discipulado é relacionamento e não se faz discipulado isolado. Seja o que Deus quer que você seja. Se deixe ser cuidado para um dia cuidar de outros.

Deus quer fazer de cada um de nós Igreja que cumpre o legado de Jesus na Terra. Cada um precisa ter o seu lugar. Descubra qual é o seu!

Visualizações: 1412

Plano de Leitura Bíblica

23 Set
I Crônicas 6
Ezequiel 19
Lucas 16
24 Set
I Crônicas 7
Ezequiel 20
Lucas 17
25 Set
I Crônicas 8
Ezequiel 21
Lucas 18
26 Set
I Crônicas 9
Ezequiel 22
Lucas 19
27 Set
I Crônicas 10
Ezequiel 23
Lucas 20
28 Set
I Crônicas 11
Ezequiel 24
Lucas 21
29 Set
I Crônicas 12
Ezequiel 25
Lucas 22