“Para que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos dê em seu conhecimento o espírito de sabedoria e de revelação; tendo iluminados os olhos do vosso entendimento, para que saibais qual seja a esperança da sua vocação, e quais as riquezas da glória da sua herança nos santos; e qual a sobreexcelente grandeza do seu poder sobre nós, os que cremos, segundo a operação da força do seu poder.” (Efésios 1:17-19)

Você precisa estar convicto de quem você é em Deus e qual a sua chamada que não pode ser negociada. Essa verdade precisa entrar em sua alma para que você, enquanto líder, não se perca no meio do processo. Debaixo da convicção de quem você é em Deus, ninguém poderá detê-lo todos os dias da sua vida (Josué 1:5).

Muitos esperam no discipulado encontrar o afeto que não receberam dos pais. Claro que discipulador não é a figura do pai físico, mas é uma espécie de pai espiritual. Encontramos discípulos que nunca foram beijados pelos pais, pelo contrário, foram espancados, rejeitados, mas nunca receberam o carinho dos pais, nem mesmo por solicitação. Não tiveram o privilégio de receber esse laço de carinho paterno tão importante.

O Salmo 2:12 diz: “Beijai o Filho, para que não se ire....” O beijo, na Bíblia, é sinal de aliança. Quando um filho é beijado, recebe carinho, é amado, ele tem muito menos probabilidade de ser uma pessoa irritada quando adulto. Uma boa dose de atenção e amor, pode cessar qualquer irritação. Observe como as pessoas mais irritadas são as que não receberam cuidado e amor e viveram em famílias desequilibradas, ou foram exageradamente cuidadas e não tiveram limites.

DEUS É UM DEUS DE RELACIONAMENTO

Deus é um Deus de relacionamento. Ele interage e tem comunhão com o homem, chamando-o de filho. Jesus disse: “E qual o pai dentre vós que, se o filho lhe pedir pão, lhe dará uma pedra? Ou, se lhe pedir peixe, lhe dará por peixe uma serpente?” (Lucas 11:11)

Os pais são a expressão de amor para os filhos, ou pelo menos deveriam ser. Infelizmente, alguns pais criam os filhos debaixo do ditado: “Faça o que eu mando, mas não faça o que eu faço.” Isso é o mesmo que querer proibir um espelho de refletir a imagem que capta. Isso não existe! Um pai que fuma não pode proibir o filho de usar maconha. Afinal, muitos desenfreios da alma são resultados da educação que trazemos de casa. Às vezes, entra até mesmo um distúrbio psicológico, uma neurose que faz com que filhos tornem-se mentirosos compulsivos, estelionatários, prostitutos, adúlteros, etc. E essas atrocidades entram no discipulado, porque fazem parte do caráter dessas pessoas, como herdadas dos pais.

A família deve fazer parte da essência do ministério de todo líder. Somos chamados para solidificar o caráter do lar, para restaurar o conceito de família. Família toca o coração de Deus, pois é a menina dos Seus olhos. Você, como sacerdote, tem a obrigação de cuidar da sua família, de buscar a cura que ela precisa para viver em pleno êxito.

YESHUA É A CURA

Yeshua é a cura, pois não existe supermercado, farmácia, complexos de lojas que vendam a cura para a carência afetiva. Precisamos entender que a somatória da falta de afetividade, carinho, palavras brandas e palavras de amor gera monstros que não se permitem ser tocados e que não se abrem para o relacionamento, que não se deixam abraçar, etc. Somente Yeshua tem condições de reorganizar as nossas emoções, nos colocar em pontos autênticos de relacionamentos saudáveis e nos devolver a emoção que nos foi roubada.

Yeshua quer tocar em sua vida, porque Ele conhece cada parte da sua história. Ele quer lhe dar um novo coração para que, até você mesmo, seja surpreendido pela mudança que invadirá a sua vida. Todas as pessoas que têm um verdadeiro encontro com Deus têm motivos para sorrir e para mudar a sua história.

Deus chama cada ser humano como fez com vários homens na Bíblia. Você é chamado para uma missão específica: exercer o sacerdócio em sua casa e sua geração e para isso precisa ser curado por Yeshua. Curado fica mais fácil sonhar em ver os seus bisnetos ministrando no púlpito, adorando o nome do Senhor e declarando o poder desse Deus magnífico. Sua descendência será poderosa em Yeshua. Agora, não aborte a sua chamada.

São necessárias certas atitudes para não negociar a chamada e exercer o sacerdócio no Reino:

1. Trabalhar a chamada

Toda chamada precisa ser trabalhada para alcançar êxito. Não se satisfaça com o que já conquistou, pois Deus tem mais para você. Não negocie a sua chamada, pois a chamada é um presente de Deus que precisa de um plantonista 24 horas. O próprio Deus é o Guardião da promessa, mas você não pode ser relapso com o que Ele lhe deu.

A chamada é irrevogável e, para se tornar real, precisa ser trabalhada. Por ser um território entregue por Deus, deve ser trabalhada para que frutifique e o êxito aconteça. Esse território pode ser emocional, afetivo, psicológico, físico, em todas as áreas, porque envolve a sua essência de gente, mas, acima de tudo, é um território espiritual que abrange o indivíduo, o social, o familiar e tudo o que diz respeito à conquista.

Toda chamada é territorial. Quando Deus dá uma chamada, Ele diz o que é e para o que é a chamada. Quando Ele entrega esse território, se você não vigiar, alguém vai querer tomá-lo das suas mãos. Não existe território desocupado e hoje Deus quer lhe dar ousadia para que você conquiste o território trabalhando a sua chamada.

Você é um homem de Deus! Recebeu esse título que é o maior que um homem pode receber. Agora, está no processo de formar discípulos e gerar filhos espirituais, então, cumpra a sua chamada com zelo e amor. Busque uma referência de líder, porque você só consegue ser referência quando alguém é uma referência na sua vida. Pense nisso! Você tem uma chamada territorial e precisa se tornar o guardião desse território.

Continua...

Visualizações: 221

Plano de Leitura Bíblica

14 Out
2 Crônicas 3 e 4
Ezequiel 40
João 6
15 Out
2 Crônicas 5 e 6
Ezequiel 41
João 7
16 Out
2 Crônicas 7
Ezequiel 42
João 8
17 Out
2 Crônicas 8
Ezequiel 43
João 9 e 10
18 Out
2 Crônicas 9
Ezequiel 44
João 11
19 Out
2 Crônicas 10 e 11
Ezequiel 45
João 12
20 Out
2 Crônicas 12 e 13
Ezequiel 46
João 13 e 14