Estamos celebrando nestes dias a Festa de Purim. Você já ouviu falar dela? Ainda não? Ela está no livro de Ester e descreve um momento muito difícil na vida do povo judeu, mas também mostra que o Senhor mudou a sorte deles. Vamos ver com calma essa história, ok?

O povo judeu vivia sob o reinado do rei Assuero, que tomou para si, como rainha, a jovem Ester. Ester era judia mas, por conselho de seu primo, Mardoqueu, que a havia criado, nunca revelou sua descendência ao rei.

O rei Assuero tinha um amigo, chamado Hamã, que lhe era muito próximo e havia sido colocado acima dos outros príncipes. Hamã não gostava dos judeus, principalmente de Mardoqueu. Um dia, ao ver que Mardoqueu não se prostrava diante dele, foi a Assuero com uma proposta: “Existe espalhado e dividido entre os povos em todas as províncias do teu reino um povo, cujas leis são diferentes das leis de todos os povos, e que não cumpre as leis do rei; por isso não convém ao rei deixá-lo ficar. Se bem parecer ao rei, decrete-se que os matem; e eu porei nas mãos dos que fizerem a obra dez mil talentos de prata, para que entrem nos tesouros do rei.” (Ester 3:8,9)

O rei então emitiu o decreto. Quando Mardoqueu soube o que havia acontecido, rasgou suas vestes, vestiu-se de saco e de cinza e saiu pela cidade em grande clamor. Ester, quando soube da situação, enviou-lhe roupas para vestir, mas ele não as aceitou. Então pediu a Hatá, um dos camareiros do rei, que fosse saber o que estava acontecendo. Mardoqueu então lhe disse o que deveria dizer a Ester, inclusive pedindo para que ela fosse ao rei para interceder por seu povo.

Mas ninguém podia chegar diante do rei sem que fosse chamada. A moça então pediu que todo o seu povo entrasse com ela em jejum e oração, por três dias. Após isso, Ester se arrumou e foi ao rei. Ao vê-la, ele se admirou, mas estendeu o cetro para que ela se aproximasse, e lhe perguntou o que queria. Ela o convidou, e a Hamã, para um banquete. Hamã ficou cheio de si e, quando saiu do palácio, ao encontrar Mardoqueu na porta e ver que ele continuava a não se curvar diante dele, ficou cheio de ódio e armou um meio de matá-lo enforcado.

À noite, o rei não conseguia dormir, e seus servos foram ler para ele o livro que contava a história do reino. E lhe contaram que, tempos atrás, Mardoqueu havia salvo sua vida, quando contou sobre dois servos que tentavam matá-lo. Espantado em saber que nenhuma honra havia sido dada ao homem que salvou sua vida, de manhã, ao encontrar Hamã, lhe fez uma pergunta: O que se deveria fazer a um homem de cuja honra o rei se agrada? O tolo Hamã, achando que o rei falava dele, deu ideias extraordinárias: vesti-lo com as roupas do rei, colocar o anel do rei no seu dedo e colocá-lo em cima do cavalo do rei e levá-lo por toda a cidade.

Imagina a raiva dele ao ouvir o rei dizer que ele deveria fazer tudo isso a Mardoqueu? No dia do banquete a rainha Ester fez saber ao rei a sua história e o que Mardoqueu havia feito contra o seu povo. O rei então, ao descobrir que o homem a quem tratava com tanto carinho era mentiroso e mau, mandou que o enforcassem na mesma forca que havia feito para Mardoqueu e mandou escrever um novo decreto, que livrava o povo judeu do decreto de morte e lhe dava o direito de se defender. Foi então que a Festa de Purim foi instituída. Uma festa para celebrar ao Deus que muda decretos de morte em decretos de vida e nos mostra que:

  1. Deus jamais abandonará o Seu Povo
  2. O poder de Deus sempre sobrepujará o poder do inimigo
  3. A intercessão faz a história e acelera o cumprimento da Palavra de Deus aqui na Terra
  4. Os decretos que Deus emitir em sua vida serão sempre superiores aos decretos do inimigo sobre a sua vida
  5. Devemos orar pela paz em Jerusalém

E, assim como os planos do inimigo e Hamã foram destruídos, hoje nós podemos buscar ao Senhor e crer que todos os planos do inimigo contra nós cairão por terra; que o inferno não prevalecerá e que, se buscarmos ao Senhor, com jejum e oração, Ele ouvirá o nosso clamor e mudará a nossa história.

Prontos para celebrar a esse Deus Maravilhoso?

FELIZ FESTA!

HAG SAMEAH PURIM!

Visualizações: 690

Plano de Leitura Bíblica

17 Jul
2 Samuel 1
Jeremias 7
Mateus 18
18 Jul
2 Samuel 2
Jeremias 8
Mateus 19
19 Jul
2 Samuel 3
Jeremias 9
Mateus 20
20 Jul
2 Samuel 4 e 5
Jeremias 10
Mateus 21
21 Jul
2 Samuel 6
Jeremias 11
Mateus 22
22 Jul
2 Samuel 7
Jeremias 12
Mateus 23
23 Jul
2 Samuel 8 e 9
Jeremias 13
Mateus 24